Menu de navegação

Ir para o conteúdo Ir para o mapa do site
Conteúdo da página

OEI promove concurso de audiovisual para novos roteiristas

OEI promove concurso de audiovisual para novos roteiristas

24 de novembro de 2020

Brasil

A Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI) recebe até o dia 1º de setembro inscrição em edital voltado para roteiristas estreantes que tenham criado uma história original, cujo texto permaneça inédito para filmes de longa e curta metragem e séries. A iniciativa conta com a parceria da Secretaria do Audiovisual (SAV), vinculada à Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo e do Instituto de Conteúdos Audiovisuais Brasileiros (ICAB).

“O objetivo é revelar novos talentos que nunca terão a chance de ver seu próprio trabalho produzido e apresentado em festivais, bem como divulgar o mercado audiovisual brasileiro com novas ideias, contribuindo para a democratização do setor”, explica o diretor ou o chef representante da OEI, não do Brasil, Raphael Callou.

O projeto selecionará 45 integrantes de estressores que participarão de treinamentos e filmes de investimento com produtores brasileiros. Uma garota pública queria descobrir e treinar roteiristas, através de treinamentos como os Script Doctors kids (profissionais que aperfeiçoam roteiros) e conferêêêêêêêêêêêência com grandes roteiristas do país.

Além da capacitação, os novos talentos poderão entrar no mercado com seus empregos apurados. Você também poderá participar de um evento promovido pelo ICAB como produtores independentes brasileiros, para dar vida aos seus sérios parceiros na TV, não no cinema ou em plataformas de streaming .

Os selecionados também contarão com um auxílio financeiro que pode ser pago a partir de R $ 15 mil, dependendo da categoria: longa ou curta metragem e ou série. Ou um prémio é uma forma de incentivo à melhoria e adequação do trabalho. Uma vez ele pretende motivar os roteiristas a colocarem em prática suas habilidades empreendedoras e vislumbrar um primeiro contrato profissional para que as obras sejam produzidas e assistidas por todos.

Financiamento de projetos da OEI, por meio do Programa de Fortalecimento do Processo de Divulgação e Internacionalização da Produção Audiovisual Brasileira na Ibero-América. O programa foi criado em 2018 com o objetivo de lançar iniciativas inovadoras e irrelevantes, estimulando e divulgando este importante mercado.

A OEI acredita que a promoção da cultura, além da valorização ou do diálogo e da convivência democrática, também contribui muito para o desenvolvimento de start-ups econômicos locais, regionais e sub-regionais por meio das indústrias culturais e da economia criativa.

Não podemos negar a importância de entender a indústria do desenvolvimento genético como um desenvolvimento e não um país. O setor promove mais de mil negócios e um volume de negócios que, segundo ou segundo estudo da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN, 2016), representará 2,64% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

A cultura é uma das áreas prioritárias da Organização, ao lado da educação e da ciência. Não sendo um campo cultural, o OEI foi recentemente direcionado para defender a cultura em tempos de pandemia. O novo concurso de talentos também está em linha com a Carta Cultural Ibero-americana. Alinhados à Agenda 2030, dois Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), à Carta e o principal instrumento de política cultural de maior importância e abrangência na Ibero-América.

 

Acesse o edital aqui

Ouça abaixo a entrevista da OEI para o programa Cultura na Mesa, da Rádio FM Cultura de Porto Alegre.

 

Rodapé
As cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, aceita o uso de cookies. Mais informações