Aqui começa o menu de navegação

Ir para o conteúdo Ir para o mapa do site
Aqui começa o conteúdo
Línguas

Línguas

Área de Línguas

A OEI reconhece a importância a riqueza da diversidade cultural e linguística da região, como parte de um patrimônio compartilhadoNa Agenda 2030 das Nações Unidas, as línguas têm presença nas suas dimensões educativa e cultural, constituindo um fator humano importante para alcançar uma educação inclusiva, equitativa, ao longo da vida, assim como para o desenvolvimento científico e a valorização da diversidade cultural.  

Tendo em conta que espanhol e português constituem as línguas oficiais da OEI e representam 800 milhões de falantes, importa fortalecer o uso do português junto com o espanhol e as outras línguas autóctones da regiãopor meio da cooperação nos domínios da educação, da ciência e da cultura.  

Assim, foi lançado em 2019 o Programa Ibero-americano de Difusão da Língua Portuguesa, enquanto contributo para o plurilinguismo e a multiculturalidade que caracterizam a região ibero-americana. Neste cenário, instituições de cooperação na região, assim como a Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) e o seu Instituto Internacional da Língua Portuguesa (IILP) constituem-se como aliados da OEI, reforçando a parceria global para o desenvolvimento sustentável. 

Para alcançar o objetivo do programatrabalhamos as seguintes linhas de ação:  

Fortalecimento da presença das línguas portuguesa e espanhola na produção e divulgação no campo da ciência. A OEI apoiará através de diversas iniciativas a importância e o valor do conhecimento produzido nessas duas línguas por investigadores da região ibero-americana. 

Promoção de experiências de bilinguismo e interculturalidade em escolas de fronteira. Impulsionar espaços de diálogo plurilíngues e interculturais, de compreensãoempatia e respeito entre as diferentes culturas constitui a matriz da OEI. Para isso, o projeto Escolas de Fronteiras foi criado para fomentar a integração de alunos e professores das escolas situadas nas zonas fronteiriças do Brasil com os países hispano-falantes e de Portugal com a Espanha através de experiências de bilinguismo e interculturalidade. 

Transformação da OEI numa organização bilíngue de referência regionalConsiderando que as dualínguas são componentes intrínsecos e estratégicos nos processos de cooperação, todas as áreas, programas, iniciativas, atividades e ações da OEI irão contemplar presença de ambas as línguano seu máximo potencial.  

Desenvolvimento profissional de professores e de outros profissionaisPromovemos propostas de capacitação contextualizadas, interculturais e bilíngues, evitando a fragmentação e modelos de ensino padronizadosoferecendo uma educação baseada no reconhecimento e no respeito dos direitos culturais como parte da formação humana e profissional.  

Cooperação, promoção e divulgação internacional das línguas portuguesa e espanholaDentro desta linha contempla-se a realização bienal de uma conferência internacional de alto nível, com periodicidade regular e sediada em países diferentes , assim como a organização de fóruns temáticos, entre as conferências,  para aprofundar os eixos prioritários para a promoção das línguas, por exemplo, o E-Fórum 2020 “Línguas e Economia, e, por último, celebrações anuais do Dia Mundial da Língua Portuguesa no dia 5 de maio através do lançamento de várias iniciativas de estímulo à criatividade, coexistência e cooperação entre as línguas, culturas e cidadãos da Ibero-América.  

Número de projetos ativos

2

Número de beneficiários/as

0

Número de projetos por país

Projetos

Rodapé Rodapé